sábado, 27 de junho de 2015

Dicas para o céu da semana 22.06.2015

DICAS ASTRAIS PARA A SEMANA DE 22/06/15 - Sol e Marte em Câncer, Vênus e Júpiter em Leão


Olá, amigos!
Marcelo  Dallas
O Sol ingressou em Câncer neste dia 21/06/15, mais precisamente às 13h37 - horário de Brasília. Câncer é um signo cardinal, que marca o solstício de inverno no hemisfério sul e de verão no hemisfério norte.

CÂNCER/CARANGUEJO
É o primeiro signo do elemento Água, regido pela Lua. Nos ensina sobre a sensibilidade, a intimidade, as emoções, o cuidado, a proteção e o acolhimento. Evoca também o passado, a ancestralidade, a história e a memória emotiva. É representado pelo Caranguejo (o signo leve este nome em Portugal), com sua capacidade de andar para a frente e para trás.

Os nativos desse signo aprendem a valorizar as recordações e a atualizá-las, aproveitando os ciclos que se repetem. Junto com a mutante Lua variam seu humor, apresentam um temperamento emocional ora objetivo e ora subjetivo. Desenvolvem a receptividade, sua estabilidade e equilíbrio vem das relações afetivas, do histórico e da vida familiar, da valorização dos sentimentos patrióticos e do local onde nasceu, dos condicionamentos do passado. Possuem forte instinto de proteção, grande intuição e capacidade imaginativa.

O perigo é ficar apegado demais ao passado, melindroso demais, com medo do mundo, fechado em sua concha. O equilíbrio está no signo oposto, Capricórnio, que traz a razão, a confiança e a praticidade. Para que realizem seus sonhos, devem aprender a dar todos os passos necessários, com mais perseverança e pragmatismo. Tudo para que não perca os referências de ordem e estabilidade nas tensões emocionais, na turbulência interior, nas questões afetivas.

Temos, portanto, um período em que podemos cuidar melhor de nossas bases e estruturas emocionais, de nosso equilíbrio, para que possamos enfrentar o mundo lá fora. Dar mais atenção às questões do lar, da família, dos relacionamentos mais íntimos. São eles que nos fortalecem!

O período (que vai até o ingresso do Sol em Virgem) é bom também para compra e venda de imóveis, feiras e bazares de produtos para o lar, iniciativas mais sensíveis e acolhedoras.

COMO SE PROTEGER DE ENERGIAS NEGATIVAS



COMO SE PROTEGER DE ENERGIAS NEGATIVAS



Marcelo Dalla

Olá amigos!!!
Muita gente tem me perguntado como fazer pra se proteger de energias negativas no dia-a-dia (tais como inveja, raiva, rancor) ou mesmo de entidades obsessoras. Como já devem saber, a melhor proteção que podemos proporcionar a nós mesmos é a dos sentimentos e pensamentos positivos. Gratidão, alegria, paz e AMOR elevam nossa vibração. Assim nos sintonizamos apenas com o que vibra nesta mesma frequência.

Mas às vezes precisamos de uma força extra. Somos humanos! Quando passamos muito tempo preocupados, tristes, estressados, desanimados, magoados com algo ou alguém... ou quando nos tornamos o centro das atenções, por exemplo. Se as energias negativas se instalam numa casa, os moradores podem ficar irritados, sonolentos, brigam por qualquer motivo e podem até adoecer. Os aparelhos domésticos quebram com frequência, acontecem pequenos acidentes.

Deixo aqui algumas dicas que podem ser muito úteis.

sexta-feira, 26 de junho de 2015

A Alma do signo de Câncer




A Alma do Signo de  Câncer
Antonio  Rosa do site Cova do Urso

Todos nós, enquanto Espírito, escolhemos a data do nosso nascimento. E todos temos um mapa astral. Um dos aspectos mais salientes do nosso mapa astrológico é a escolha que fazemos onde deve estar o Sol num dos 12 signos do zodíaco. Se escolhemos vivenciar este signo em concreto, para além de todos os aspectos indicados na carta, há sempre uma razão muito forte para tal para tal.

As coisas que nos estão destinadas, formam parte de nós, desde sempre, dentro da estrutura cósmica a que pertencemos. Foram escolhidas por nós, como potencial para o desenvolvimento pessoal, evolução espiritual, elevando assim os níveis de consciência que somos nesta reencarnação.

Todos os signos podem ser vividos em 3 níveis evolutivos diferentes. No entanto, a maioria de nós, por motivos que não vêm ao caso, escolhem vibrar apenas as experiências do primeiro e segundo nível evolutivo.

Tenham em atenção que o que aqui lerem fala apenas das características puras deste signo. Mas o seu Sol faz aspectos a outros planetas, além de que existe o resto do seu mapa, podendo dar-se o caso de não se identificar com todo o texto... ou talvez não o queira.

As pessoas nascidas entre 21 de Junho e 23 de Julho pertencem ao signo Caranguejo.
Este signo tem como regente: Lua.
O regente da Alma (esotérico) deste signo é o Neptuno.
A frase que melhor define este signo: “Eu sinto”.

O signo Caranguejo apresenta estas características positivas básicas:
Tenaz, intuitivo, sensível, maternal, boa memória.

sábado, 20 de junho de 2015

A ferida produziu-se no lar - Quíron em Cancer ou na casa 4





A ferida produziu-se no lar
[Quíron em Câncer ou na casa 4]

António Rosa - Cova do Urso

Na mitologia, a figura de Quíron é apresentada como sendo filho de Cronos [Saturno] e da ninfa Filira, neto de Úrano [o céu] e de Gaia [a Terra] e meio irmão de Zeus [Júpiter].

 A ninfa Filira refugiou-se no monte para dar à luz o filho. Foi um parto lento, difícil e doloroso. Quando Filira percebeu que tinha gerado um ser que era meio homem, meio cavalo, abandonou-o à sorte do destino, que esteve a favor do centauro recém-nascido,

 pois Apolo passeava por aquele monte quando encontrou o centauro Quíron, decidindo ali mesmo que o criaria como pai adotivo, ensinando-lhe todos os seus conhecimentos: artes, poesia, ética, filosofia, artes divinatórias, ciência, terapias e profecias.

As pessoas com Quíron em Caranguejo pertencem a dois grupos etários bem distintos: O primeiro grupo anda agora (2010) entre os 69 e os 72 anos, nascidos entre 28 Maio 1938 e 16 Junho 1941;

 o segundo grupo etário é bem jovem, pois nasceu entre 21 Junho 1988 e 21 Julho 1991, portanto, andam agora entre os 19 e os 22 anos.


 O primeiro grupo, maioritariamente, estará aposentado e o grupo dos jovens, estará nas universidades ou no primeiro emprego. Estas informações são dadas para orientar o leitor que não tenha um conhecimento aprofundado de astrologia.

Enquanto preparava a aula de Quíron [ver aqui] demorei-me neste posicionamento de Quíron, pois é uma das situações mais delicadas de todo o zodíaco. Por isso, não me surpreendi que na aula, na Ericeira, não estivesse ninguém com este posicionamento no mapa natal.

A delicadeza desta situação é mais que óbvia. São poucas as pessoas capazes de reconhecer [exceto em consulta privada] que a sua principal ferida emocional ocorreu quando era criança e dentro do seu próprio lar.

O que quer que tenha acontecido a estas pessoas, foi em casa e ocasionada por um dos pais ou os dois, de preferência o pai. Pode ter sido a mãe, se ela revelava ser uma pessoa bastante fria e egocêntrica, ou se dominava o pai.

sexta-feira, 19 de junho de 2015

astrologia e vidas passadas


Astrologia e vidas passadas

Este texto é muito bom, maravilhoso. Quando olhamos nossa carta natal com uma visão  espiritual, fica mais fácil compreender o nosso destino. a melhor explicação que já li sobre o tema.

por António Rosa - Foi e é um grande Mestre da Astrologia



ASTROLOGIA E REENCARNAÇÃO - apontamentos para uma 



ASTROLOGIA E REENCARNAÇÃO

Por Dorothée Koechlin de Bizemont
Extraído do seu livro “Astrologia Cármica”
Transcrições, excertos e sublinhados de António Rosa

Obs: Para ser estudado e analisado coma muita atenção pelos leitores.
Eu sei que a maioria dos actuais leitores não têm tempo para ler textos longos,
mas será que queremos realmente aprofundar alguma coisa?
Ou apenas umas frases lindinhas no Facebook?



Os astrólogos actuais podem repartir-se em duas tendências: os racionalistas e os espiritualistas. Os primeiros praticam a astrologia como um meio de conhecimento imediato dos homens.

 Empoleirada nas técnicas de investigação psicológica do século XIX e XX (psicanálise etc.), essa astrologia recusa as dimensões espirituais esotéricas. 

E, em suma, a irmã gémea da "medicina de consertos" ocidental, que só conhece o corpo material.

 Recusando a existência do corpo esotérico e do corpo astral, essa medicina só vê no homem um conjunto de reações psicoquímicas. Como a medicina derivada das teorias de Pasteur, a astrologia racionalista ignora a finalidade cósmica do homem.



Para os astrólogos da segunda tendência, os espiritualistas, o estudo do tema individual não só descreve o corpo doente, a mente desequilibrada, ou a vida emocional perturbada, como também, mais ainda, esse tema astrológico pode responder às questões fundamentais que o indivíduo se coloca:

terça-feira, 16 de junho de 2015

Astrologia Cármica e a casa 4 - Vidas Passadas




Astrologia Cármica e a casa 4 - Vidas Passadas
António Rosa ·

Devido à sua extensão, este artigo foi dividido em 3 partes/posts.


A CASA 4

Já falamos um pouco desta casa, mas ela merece uma atenção maior, dada a sua enorme importância cármica. Irmã gémea do signo Câncer / Caranguejo, ela revela a atitude da pessoa com a família, para com o lar e para com a segurança que espera disso tudo. 

E isso não só no que se refere à vida presente, mas também no que se refere àquelas, mais antigas, onde ele mesmo criou para si as atitudes mentais que ainda hoje o condicionam.

Por exemplo, a pessoa, frustrada numa infância precedente, tentará reencontrar os antigos parentes aos quais está ligado por poderosos laços cármicos. 

Através deles, procurará de novo a segurança que lhe faltara anteriormente. Se a sua relação com esses parentes tiver sido de amor, ele procurará encarnar-se de novo entre eles, por atração de ternura. 

Se a relação tiver implicado dívidas, irá encamar-se também de maneira a que essas dívidas possam enfim ser pagas, num amor recíproco reencontrado (e um progresso espiritual comum).

É a casa do medo de sentir, por razões cármicas. É normal decifrar na casa 4, em analogia com Câncer / Caranguejo, traços do carma, já que ela concerne à infância: um número muito grande de crianças lembram-se ainda da sua vida precedente, e conseguem contá-la!

A CASA 12 - astrologia carmica parte 2




           Astrologia Cármica e as Casas nos mapas - 
Apontamentos para aula - nº 2
          Antonio  Rosa 
                                                        A CASA 12


A atenção dos astrólogos tem-se fixado nesta casa. Com toda a certeza, é a mais "esotérica" das casas. Parece descrever a mais recente encarnação terrestre, ou pelo menos a mais marcante, das últimas vidas.


 Talvez não a vida imediatamente anterior, se esta tiver sido muito curta, ou apenas vivida como feto, ou sem rasgos: constatou-se que essas vidas de crianças mortas em idade muito tenra, ou nascidas mortas deixam por vezes poucos traços na memória da entidade, e no seu tema.

 Digamos que a casa 12 marca certamente a última experiência terrestre significativa.


Entre muitos astrólogos reencarnacionistas estudam-se os temas de mortos que precederam, por exemplo, casos de reencarnação quase imediata na mesma família.


 É um fenômeno que não é raro. Numa casa 12, o signo na cúspide, ou ponta, os planetas aí localizados, a sua situação celeste, seus aspectos, tudo fornece precisões sobre a vida anterior precedente.

 Uma casa 12 pode estar vazia de planetas. Mas se olharmos para o regente do signo situado na cúspide dessa casa, as coisas esclarecem-se.


A casa 12 tem o mesmo simbolismo do signo de Peixes. Este é regido por Netuno, planeta da dissolução. Assim, nesta casa, os planetas indicam um desejo de dissolução dos laços cármicos, dos vínculos que ainda atavam a pessoa a este mundo.


 O signo é representado por duas pequenas sardinhas atadas, em sentido contrário, por um fio muito curto: não é preciso dizer que no signo - assim como na casa - enfrentam-se entraves de todos os tipos.

 Se esses entraves são aceites corajosamente, segue-se uma libertação: desemboca-se então no grande fogo irresistível de Carneiro, o grande salto para adiante, que nenhum freio consegue mais suster.


Notem também que a casa 12 é a dos inimigos secretos: os nossos piores e mais secretos inimigos não são os nossos defeitos? Ela é considerada como a prisão ou o hospital do mapa. No plano cármico, é bem um e outro: ali se curam as doenças espirituais e se "purgam" as penas.

Vidas passadas - Astrologia Cármica -1° parte





Astrologia Cármica e as Casas nos mapas - 
Primeira parte
Apontamentos para aula - nº 1 e 2  e 3
António Rosa ·



Devido à sua extensão, este artigo foi dividido em 3 partes/posts.

Clicar para aceder: Parte 1 (é este texto)  
Estão autorizados a levar o texto para efeitos de estudo.

«Na realidade “o tempo” fora da terceira dimensão não existe, portanto
o que classifica como passado está ocorrendo no eterno agora.»

Astrid Ananbelle [daqui]


Introdução
A Trajetória Cósmica do Nosso Espírito:
Astrologia Cármica, Reencarnação e Espiritualidade


Haveria muito a dizer sobre a forma circular do mapa astrológico: o círculo é um perfeito símbolo de unidade. O tema é uma mandala, isto é, uma visão do mundo, encerrada num círculo geometricamente dividido, cuja estrutura ajuda à meditação.


Assim, o tema torna-se um "suporte de mancia": um objecto que, pela sua forma, permite que a intuição seja libertada. Os videntes de toda a Antiguidade utilizaram o fogo, a fumaça, os seixos jogados ao acaso no solo, etc.



A intuição divinatória costumava ter necessidade de um suporte para se manifestar: não há dúvida de que o mapa astral representa também esse papel; a sua forma redonda, as suas divisões geométricas ativam os mecanismos secretos da intuição.


 A cruz formada pelo horizonte e o meridiano, inscrita nos 360° da circunferência, são os símbolos eternos que falam ao subconsciente de cada um de nós.

terça-feira, 9 de junho de 2015

Tudo é Energia


                                            Tudo é Energia
A Energia Segue o Pensamento

Na sociedade atual nos encontramos constantemente com o conceito de energia. Entretanto, pouca gente se detém a considerar quê se entende por este termo.

A palavra vem do grego “energos”, que significa “ativo”. A energia é, portanto, a capacidade para a atividade vital e, desde tempos remotos, este conceito de energia vem sendo aplicando a uma área cada vez maior de conhecimentos e atividades humanas.

 Durante muito tempo, este conceito foi utilizado em relação com acontecimentos físicos, e mais tarde entrou também na formação de outros campos, tais como a psicologia, a economia e a sociologia.

 Do conceito de energia como uma força viva distribuída de forma geral, uma linha direta de desenvolvimento nos conduz a todas as diferentes esferas da vida humana.

Diz-se que “o que está acontecendo no mundo, hoje em dia, vem determinado pelas ideias” e isto pode ser observado, claramente, nestes momentos. As pessoas que possuem algum conhecimento sobre o poder 

do pensamento, sobre os efeitos das correntes de energia mental, que fluem da mente, enfrentam uma situação de grande responsabilidade e que por sua vez lhes proporcionam uma grande oportunidade.

 Os pensamentos são energia e a energia segue o pensamento. Esta é a base de todo trabalho criador no plano mental.

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Iluminando seu proposito de vida



         ILUMINANDO SUA VIDA COM CLAREZA E
DESCOBRINDO O SEU PROPÓSITO DE VIDA ENQUANTO AVANÇAM NESTA ERA DOURADA ABUNDANTE E HARMONIOSA
Arcanjo Uriel via Goldenlight
Em 24 de outubro de 2013

         Canalizado por Goldenlight, www.thegoldenlightchannel.com. © The Golden Light Channel. Por favor, inclua este copyright e crédito no começo sem alteração quando repassar esta mensagem.

Queridos amigos,

Pelas duas últimas semanas, eu já sabia que receberia algumas mensagens do Arcanjo Uriel e do Arcanjo Jofiel.

Andei procurando referências do Arcanjo Uriel durante este par de semanas e também planejei começar a criar e então adicionar estas duas pinturas à Série Arcanjo de Lightworks Art.

Em particular, vi com os olhos de minha mente uma pintura com padrão rubi e dourado: um sinal que eu criaria e realizaria essa pintura.

Posso começar esta pintura nesta noite, pois estou de volta ao estúdio.

Também recebi uma mensagem intuitiva de que eu preciso passar uma mensagem sobre descobrir e seguir a missão de sua alma ou o propósito de vida por estar aqui na terra nesta época.

Quando a Reconexão se deu no verão de 2013, eu pude me reconectar fortemente com o meu Conselho de Anjos e meu eu superior e descobri e me sintonizei com o meu propósito de vida desde então (receber mensagens telepáticas do reino angélico e criar obras de arte codificadas de luz são duas das missões principais de minha alma na terra nesta vida).