sábado, 30 de abril de 2016

Planetas no céu de Maior de 2016





AS ENERGIAS DE MAIO DE 2016 
Natalia Alba
29/04/16

Atravessar o portal para este mês próspero não foi fácil, visto que estamos navegando entre diferentes linhas do tempo, integrando nossas sombras e equilibrando nossas essências Yin e Yang, somente para voltar a surgir outra vez na luz neste novo mês de maio.
  
Durante abril, e na maior parte de maio, fomos e seremos desafiados a olhar os nossos aspectos que não foram unificados e acolhidos, já que temos cinco planetas retrógrados – Marte, Plutão, Saturno, Mercúrio e Júpiter – que nos convidam a nos libertar de nosso casulo e examinar onde o nosso coração não estiver plenamente aberto – contraindo-nos em lugar de nos expandir para novos horizontes e níveis mais elevados de amor.

É após esse período introspectivo de cocriação consciente, que agora começamos a renascer, bem como os desejos de nossa alma, no plano físico, estando mais cônscios dos nossos aspectos que devemos infundir com a nossa Força Vital, em vez de negar.

Durante abril – e ainda estamos sob esse período criativo interno – cultivamos a arte de permitir e criar o espaço para o nascimento do novo. Durante este novo mês de maio, agora, permitimos que o nosso aspecto Yang – masculino – aja e produza aquilo que o feminino primeiramente deu à luz e nutriu internamente.

É também um momento de nos integrar e estabilizar, à medida que fomos banhados pelas ondas solares de nosso Sol Central, e é essencial que tomemos tempo para internalizar todas essas novas ativações em nossos veículos físicos.

Lembrem-se de que a ascensão acontece em um corpo físico e não de outra forma. E agora, que finalmente atravessamos os véus das ilusões, que nos impediram de acolher plenamente este novo ciclo, e incorporar uma compreensão superior de nossa experiência de vida atual, é que somos convidados a acessar o desconhecido e nos render ao que a Inteligência Superior planejou para nós e para a nossa jornada anímica exclusiva.

Maio chega cheio de bênçãos para aqueles que estão prontos para dar um salto de fé, apesar de não sabermos onde exatamente chegaremos, e acessar este novo caminho sabendo que estamos exatamente onde precisamos estar a cada momento. É um mês em que experimentamos muitas mudanças, em nosso interior, inclusive todas as mudanças na Terra que também estamos enfrentando, em todo o mundo.

A Terra está realmente sendo banhada com ondas de consciência em massa, que vêm dos portais intergalácticos – como é o nosso Sol Central, sob a forma de explosões solares – o que claramente não altera somente o coletivo, visto que essas novas ondas ajudam a elevar a nossa consciência, mas que estão afetando também a Terra de muitas maneiras.

Como sempre, a nossa mente humana vai tentar analisar o que está ocorrendo e vai rotular essas mudanças na Terra como sendo caóticas, mas sabemos que por trás das cenas humanas, tudo está sendo orquestrado de modo perfeito por uma Consciência Superior.

Não podemos controlar a natureza, visto que é um organismo vivo em si mesmo e sabe quando é o momento para se regenerar e quando é o momento para florescer. Nosso principal objetivo simplesmente é permanecer centrados em nosso coração superior, enquanto nos adaptamos às mudanças necessárias que precisam acontecer neste momento.




Durante este mês, os estabilizadores estarão também ocupados. Compartilho a minha experiência pessoal, como estamos trabalhando por trás dos véus humanos para ajudar a trazer o equilíbrio onde for necessário, bem como tantas outras almas com outros papéis preciosos na Criação. Todos nós conectados, formando uma perfeita rede organizada de luz, ajudamos no processo de criar harmonia quando somos convocados para servir e assim fazemos.

Confiem nas Forças Invisíveis do Universo, confiem em seu papel exclusivo, em vez de se deixar atrair pela sensação coletiva de caos e desesperança. Tudo sempre está perfeitamente projetado para que avancemos nesta espiral interminável de amor/luz, de formas que muitos não compreendem, mas que são perfeitas para Todos dentro do Plano Divino.

Com este novo mês de maio, nossos desejos também começarão a florescer no físico e mesmo que ainda sejamos chamados para recuperar mais clareza com alguns dos planetas retrógrados, também temos dois desses cinco planetas voltando ao movimento direto neste mês – Júpiter e Mercúrio – como um sinal de que dentro da roda da vida tudo está girando novamente, para nos ajudar a trazer as inspirações de nossa alma para o físico.

E como uma confirmação de onde estamos em nossa jornada, este mês sustenta uma frequência universal 14, que reduzida dá-nos o número 5. Se o número universal 13, de abril, comprovou que estávamos sob um processo profundo de transformação e de renascimento, este mês traz a mensagem de que alguma coisa nova está chegando à vida.

O número 14, que corresponde à carta Temperança, do tarô, nos convida a equilibrar-nos antes de acessar o desconhecido, visto que estamos ainda entre o etéreo e o mundano, e o equilíbrio entre ambos os mundos nem sempre é fácil., mas com confiança no Divino, uma vez que sempre somos protegidos neste amoroso Universo, e portanto, não temeremos nada, apenas temos que caminhar como seres conscientes, em vez de ser movidos por meros impulsos.

Esta carta se refere também à comunicação, Mercúrio ainda está retrógrado, é um lembrete para interiorizar toda a comunicação e examinar a nossa experiência de vida, enquanto continuamos a emergir das profundezas de nosso ser e ressuscitar no físico.

Por outro lado, o número 5 – número 14 reduzido – é o número da mudança, da liberdade e dos novos inícios, que é para onde estamos indo. É com esta frequência que somos convocados a começar a construir e a entrar neste novo ciclo de luz, visto que o número 5 tem uma vibração criativa, que nos convida a acionar nossa centelha criativa interna e começar a ancorar nossas novas maravilhosas criações no tangível.

A carta do tarô associada com este número, é a carta do Hierofante, consequentemente, tem uma essência masculina, aquela que manifesta e protege no físico, sendo que o feminino dá à luz e nutre internamente em primeiro lugar.

Já estivemos fazendo tudo isso, e estamos sempre moldando algo novo dentro de nós, agora é também o momento de nos libertar e de começar a nutrir tudo em nosso domínio terreno e que nos sustenta em nosso plano denso.

Lembrem-se de que, como o Hierofante, criamos a partir de um lugar superior de sabedoria divina, damos à luz aos nossos desejos interiores, com paciência, e seguindo o progresso natural, não forçamos, não fazemos mais isso, escutamos e aguardamos – para quando o feminino estiver pronto, já criado o espaço para receber – agir em direção aos nossos desejos.

Estamos em maio com outra maravilhosa confirmação de que aquilo que realmente desejamos está se manifestando, por ter Vênus, o planeta do amor e da abundância, em Touro, bem como uma maravilhosa e estimulante Lua Nova, a 16 de Touro. Vênus em Touro. Quando a essência amorosa e abundante de Vênus se materializa no tangível signo de Touro, torna tudo o que ele toca, apaixonado, pleno e amoroso imensuravelmente.

Vênus em Touro nos convida a observar nossas vidas terrenas, a partir de cima, e perceber se estamos construindo fortes pilares, tanto em nossas vidas, quanto em nossos relacionamentos, que vão nos apoiar no plano físico.

Neste momento, os desafios – oportunidades – podem vir até nós para que dominemos mais os aspectos do nosso eu e das nossas vidas, de modo que possamos integrar o seu conhecimento e fortalecer as nossas vidas. Mas, isso é uma dádiva maravilhosa, porque Touro é um dos regidos por Vênus, para criar estabilidade e harmonia em nossos relacionamentos e garantir as coisas no físico também.

domingo, 24 de abril de 2016

O Céu de Touro - Seis planetas retrógados




                                                                                                                  SEIS PLANETAS RETRÓGRADOS
 
Por James Tyberonn

*"De 28 de abril até 09 de maio a intensidade está em seu pico..."* qualquer preocupação, medo, ressentimento, pode amplificar-se
 indevidamente...* tais emoções fragmentarão o campo áurico e desestabilizarão o circuito áurico. O resultado é o vazamento de energia e perda
 de aterramento/conexão com a terra."** A MANUTENÇÃO DA AURA É ESSENCIAL..." * "evitando estouros temperamentais, hipercríticas,
 conflitos e depressão. Devem resguardar seus pensamentos e serem assistentes sábios do seu foco mental."*

Espere o inesperado!

Quando Marte entrar retrógrado em 17 de abril, juntamente com Mercúrio retrógrado em 28 de abril haverá cinco planetas retrógrados pela
 primeira vez em uma década. Seis estarão em retro se incluir um planeta menor asteroide-Juno. Este será certamente um cenário muito
 poderoso e muitos de vocês podem se sentir primeiro presos no melaço e fora de sincronia ... não "em si". É possível que, em tais fases sente
 que o mundo está ficando louco com você incluído no esmagador giro.

Ainda que esta fase possa parecer implacável e exasperante em um nível também pode ser extraordinariamente prolífica na resolução de
 questões kármicas e pode levar a um enorme salto quântico na transformação e na evolução mais elevada da sua alma este ano.

Quando um planeta está com fluxo retrógrado, sua energia (que o sacode) se volta para dentro e seu efeito torna-se muito mais subjetivo
 individualmente e mais imprevisível. Os trânsitos retrógrados de planetas não indicam necessariamente bem ou mal, mas quase sempre trazem  drama.

É claro que os efeitos podem variar em diferentes graus de acordo com o indivíduo, mas é um momento em que uma mudança inesperada ocorre
 frequentemente e as emoções podem ser desestabilizadas, com extremos de altos e baixos. Os "retrógrados" mudam o fluxo imaginado e  rompem as rotinas "normais".

Eles podem ser considerados como uma desaceleração forçada, um teste de pausa que oferece um tempo de contemplação e recalibração.
 Retrógrados nos forçam a olhar de novo as situações e examinar os resultados da atitude, pensamentos, hábitos e ações.

A quantidade de energia pode ser maior do que as suas partes individuais. Por isso, é muito importante compreender os desafios, as
 particularidades e temperamentos pendentes de seis planetas em torno do pseudo-movimento para trás ao mesmo tempo.

Estar ciente das anomalias que irão ajudá-los a perceber por quê as coisas podem estar fora do controle e que precauções podem ser tomadas
 para ajudá-los a atravessar a sensação de deslocamento/desordem que pode ocorrer na severidade das irregularidades amalgamadas/reunidas.

Revisemos o período das 6 estações planetárias retro:

1.1. Mercurio 28-Abr-16 a 22-mai-16
2.2. Marte 17-Abr-16 a 29-Jun-16
3.3. Júpiter-16 de janeiro de 7 a 9 de maio-16
4.4. Saturno 25-Mar-16 a 13-Aug-16
5.5. Plutão 18-Abr-16 a 26-Set-16
6.6. Juno 2 de março a 22-Jun-16

Também é importante entender que, quando vários planetas estão em retrógrado ao mesmo tempo, há um excesso de perda mesclando-se a um
 efeito de amplificação intensa sobre a aglutinante união. Assim, o resultado combinado das características específicas, será mais pronunciada e
 tangivelmente contundente.

De 28 de abril até 09 de maio a intensidade está em seu pico, então segurem seus chapéus ... eles estão entrando no Centro Cósmico!